Segunda-feira
14 de Outubro de 2019 - 

NOTÍCIAS

Newsletter

Cadastre-se para receber atualizações, notícias e artigos.

13/09/2019 - 16h31Adoção responsável evita abandono de animaisJQ também mostra o descarte sustentável de processos físicos sem validade legal

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e do Instituto Pet Brasil apontam que, em 2018, havia mais de 139 milhões de animais de estimação no País. Desse total, mais de 40 milhões estão em situação de abandono. A adoção responsável é um ato de amor e evita que animais de estimação sofram maus-tratos O Justiça em Questão que vai ao ar neste sábado, 14 de setembro, fala sobre a adoção responsável de pets e as punições aplicáveis aos responsáveis por maus-tratos e abandono de animais. Em outra reportagem, mostramos como a conciliação pode solucionar, de forma mais rápida, as demandas encaminhadas ao Judiciário mineiro. Os magistrados Flávia Birchal de Moura, coordenadora dos Juizados Especiais, e Clayton Rosa de Rezende, coordenador do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) de Belo Horizonte, esclarecem quais demandas podem ser encaminhadas e atendidas nesses setores, que priorizam o atendimento pré-processual. O JQ também traz uma matéria sobre o descarte e a reciclagem de processos físicos que perderam a validade legal. A desembargadora Áurea Brasil, 2ª vice-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais e superintendente da Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes (Ejef), destaca que a iniciativa otimiza os espaços destinados à guarda dos processos, além de observar critérios de responsabilidade social e preservação do meio ambiente Seguindo as normas estabelecidas pelo Conselho Nacional de Justiça, o Tribunal mineiro elimina processos físicos sem validade legal, priorizando a sustentabilidade e a conservação do meio ambiente E, ainda nessa edição, nossa equipe explica o que mudou com a legislação municipal que regulamenta os aplicativos de transporte na capital mineira e quais os benefícios para os usuários de serviços como Uber, 99 e Cabify. E o presidente do TJMG, desembargador Nelson Missias de Morais, dá boas-vindas aos juízes que ingressaram na magistratura mineira. Os espectadores podem contribuir para o programa enviando opiniões para o e-mail justicaemquestao@tjmg.jus.br. As edições anteriores são publicadas na página do Justiça em Questão, no YouTube.   Grade de exibição Rede Minas Canal 9 (VHF) e o sinal digital no canal 17 (UHF), canal 20 na Net Estreia: sábado, às 8h30 Reapresentação: segunda-feira, às 12h TV Horizonte Canal 22 (Net) ou 19 (UHF) Estreia: segunda-feira, às 7h45 Reapresentações: quarta-feira, às 7h45 sexta-feira, às 7h45 sábado, às 5h domingo, às 5h15 TV Justiça Canais 7 (Net), 21 (OiTV) ou 167 (Sky) Estreia: sábado, às 15h Reapresentações: domingo, à 1h30 segunda-feira, às 5h30 quinta-feira, às 7h30 TV Andradas (Andradas) Canal 36 (TV aberta) Estreia: terça-feira, às 20h TV Cultura Vale do Aço (Ipatinga) Canal 4 (TV aberta) ou 12 (TV a cabo) Estreia: quarta-feira, às 20h30 TV Integração (Pará de Minas) Canal 46 (TV aberta) Estreia: sábado, às 14h30 Reapresentação: domingo, às 15h30 TV Minas Brasil (Paracatu) Canal 20 (TV aberta) Estreia: terça-feira, às 13h30 TV Rio Preto (Unaí, Arinos, Paracatu, João Pinheiro, Brasilândia, Cabeceira Grande, Natalândia, Dom Bosco, Vazante) Canal 13 (TV aberta) ou 12 (TV a cabo) Estreia: sábado, às 8h Reapresentação: domingo, às 6h30 TV Top Cultura (Ouro Preto, Mariana) Canais 11 e 15 (TV aberta Ouro Preto) ou 20 (TV aberta) Estreia: quarta-feira, às 19h30 Reapresentação: quinta-feira, às 13h30 TV Uni (Coronel Fabriciano) Canal 34 (TV aberta) Estreia: segunda-feira, às 20h Reapresentação: sábado, às 18h30 TV Vale (Diamantina) Canais 7 e 33 (TV aberta) Estreia: quarta-feira, às 22h15 Reapresentações: sábado, às 13h30 domingo, às 23h TV Viçosa (Viçosa) Canal 13 (TV aberta) ou 3 (TV a cabo) Estreia: quarta-feira, às 18h Reapresentação: sábado, às 15h
13/09/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia