Quarta-feira
18 de Setembro de 2019 - 

NOTÍCIAS

Newsletter

Cadastre-se para receber atualizações, notícias e artigos.

19/08/2019 - 17h01Artista transforma protesto em obra executada ao vivo no fórumFlaviano de Souza produz painel em referência à 14ª Semana Justiça pela Paz em Casa

Reflexão por meio da arte é a proposta do artista plástico Flaviano de Souza, que expõe “Olhares” na galeria do Espaço Cultural do Fórum Lafayette. Além da exposição, na manhã desta segunda-feira, dia 19, data em que começa a 14ª Semana da Justiça pela Paz em Casa, o artista começou a pintura de um painel de mais de dois metros quadrados, por meio do qual pretende sensibilizar o público e promover a reflexão sobre o papel social da mulher brasileira. Flaviano de Souza acredita que a arte é mais um canal de transformação da sociedade, e é por meio dela que pretende, a cada olhar lançado e extraído da tela, deixar sua marca, seu grito de indignação e repúdio contra esse mal, a violência contra a mulher, que afeta toda a humanidade. A figura central pintada por Flaviano simboliza a busca da mulher pelo controle sobre si mesma Refletindo sobre o papel da mulher no Brasil, desde o início da sociedade patriarcal e escravagista brasileira até os dias atuais, o artista pretende retratar, por meio das cores, perspectivas e formas de uma mulher multifacetada, as correntes que ainda aprisionam o corpo feminino. Para ele, a mulher que sofre violência está sequestrada de si mesma, razão pela qual a figura central da tela simboliza a busca de seu centro, do controle sobre si mesma. O juiz diretor do foro, Christiano Lucas Generoso, em visita à exposição, elogiou a expressividade das figuras retratadas, em especial a atração gerada pelos olhos das personagens. Enquanto executava parte da obra, o artista revelou sua inspiração para o tema da tela e encontrou ressonância nas impressões do juiz diretor. Este refletiu que as mazelas herdadas da sociedade escravista e machista se refletem hoje na violência social e, principalmente, contra as mulheres. Juiz diretor do Foro, Christiano Lucas Generoso e o pintor Flaviano de Souza O artista permanece em performance durante toda a semana, em meio às suas obras na Galeria de Arte. O painel será doado para o acervo do Espaço Cultural Fórum Lafayette. A galeria fica no hall de entrada do Fórum Lafayette – Av. Augusto de Lima, 1.549, Barro Preto. Já a exposição “Olhares” poderá ser visitada até 11 de setembro, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Saiba mais sobre a exposição. Outras ações Grupo Todo Cultura apresenta a peça "Quando Agir" do Clube do Trabalhador No sábado, 17 de agosto, o grupo Todo Cultura apresentou a peça teatral “Quando Agir”, no Clube do Trabalhador do Sesi, em Betim. A peça chama a atenção para as formas de violência contra a mulher, nem sempre visíveis, em casa, no trabalho, no trânsito, e em outras situações. A atividade integrou o Dia Nacional da Construção Civil e foi promovida pelo Sindicato da Indústria da Construção Pesada de Minas Gerais (Sicepot) e pelo Serviço Social da Indústria da Construção Civil de Minas Gerais (Seconci-MG). No domingo, 18 de agosto, a Feira do Mineirinho foi palco de persas atividades voltadas para a mulher. Entre elas, foram oferecidos testes de glicemia, aferição da pressão arterial e orientações sobre o câncer de mama.  A desembargadora Alice Birchal, superintendente da Comsiv (Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar), participou da ação. O grupo Todo Cultura repetiu a apresentação teatral para um público atento. Ação no Mineirinho teve presença da desembargadora Alice Birchal, superintendente da Comsiv
19/08/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia