Sábado
17 de Agosto de 2019 - 

NOTÍCIAS

Newsletter

Cadastre-se para receber atualizações, notícias e artigos.

12/07/2019 - 16h29Matias Barbosa inaugura CejuscA desembargadora Mariângela Meyer participou da solenidade

A comarca de Matias Barbosa passa a contar, a partir desta quinta-feira, 11 de julho, com o Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc). A unidade foi inaugurada pela 3ª vice-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), desembargadora Mariangela Meyer, que considera a conciliação e a mediação como instrumentos efetivos de pacificação social, solução e prevenção de litígios. A desembargadora Mariangela Meyer, os juízes Ricardo Véras e Mônica Barbosa, o prefeito Carlos Lopes no descerramento da placa do Cejusc  Para a magistrada que coordena as ações e iniciativas de conciliação do Judiciário estadual, a adequada utilização desses centros judiciários em persos programas pelo Brasil tem reduzido a excessiva judicialização dos conflitos de interesses, a quantidade de recursos e de execução de sentenças. À frente do Cejusc  de Matias Barbosa está a juíza Mônica Barbosa dos Santos que disse assumir essa causa por acreditar veementemente que a conciliação não é uma perda. “Quem concilia e contribui para a conciliação é beneficiado com a tranquilidade e a certeza de que sempre podemos evoluir socialmente, deixando para trás aquilo que nos impede de usufruir plenamente as garantias que nos são conferidas pelo Estado de Direito”, completa. A juíza Mônica Barbosa dos Santos é a coordenadora do Cejusc de Matias Barbosa Partindo desse pressuposto, ela reconhece que a conciliação é uma forma de exercer dignamente a cidadania, a autonomia e a responsabilidade, além de as partes poderem construir, juntas, a solução de um conflito da vida. Ao final, a coordenadora do Cejusc de Matias Barbosa, agradeceu ao presidente Nelson Missias de Morais, “responsável por sua recondução à comarca, e pela instalação, neste momento, do Cejusc”; à 3ª vice-presidente do TJMG, desembargadora Mariangela Meyer, e ao juiz auxiliar da 3ª vice-presidência, José Ricardo dos Santos Freitas Véras, “por permitirem dar concretude à palavra conciliar que, em essência, nada mais é do que abrandar as pergências, podar as arestas que podem ferir e permitir que a vida siga o curso para o qual fomos criados e imbuídos de uma missão”. Para a desembargadora Mariangela Meyer, a conciliação é um instrumento efetivo de pacificação social Próximas implantações O TJMG tem trabalhado na implementação da Política Judiciária Nacional de Tratamento Adequado dos Conflitos, conforme o que dispõe a Resolução 125 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Seguindo essa orientação, serão inaugurados nos meses de julho e agosto mais três Cejuscs. Em Jacinto a unidade será inaugurada em 31 de julho; em 1º de agosto será a vez de Almenara e Pedra Azul. Cejuscs Os Cejuscs, que priorizam meios consensuais para a resolução de demandas, contam com os setores pré-processual, processual e de cidadania. As sessões são conduzidas por conciliadores e mediadores cadastrados. No setor pré-processual, são realizadas orientações e marcadas as tentativas de conciliação e mediação, antes que o conflito se torne um processo na justiça. No processual, são conciliados e mediados os casos já em tramitação. Os casos são resolvidos de modo informal, gratuito e por meio de acordo. Outro importante braço do espaço é o Setor de Cidadania, no qual acontece o primeiro contato do cidadão com o centro judiciário. Serviço Cejusc de Matias Barbosa Local: Fórum Juiz Vergílio Figueiredo Salazar Rua  Doutor Álvaro Braga,  44   Horário de atendimento: de 12h às 18h Contato: (32) 3273-1034    Assessoria de Comunicação Institucional – Ascom Tribunal de Justiça de Minas Gerais – TJMG (31) 3306-3920 imprensa@tjmg.jus.br facebook.com/TJMGoficial/ twitter.com/tjmgoficial flickr.com/tjmg_oficial  
12/07/2019 (00:00)
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia